Bolsa de croche com barbante

Eu estava numa loja de embalagens curiando as prateleiras e de repente vi um barbante comum, em dois tons e na hora eu pensei:

- Uma bolsa deste barbante deve ficar linda.

Eu tava em João Pessoa, comprei os barbantes, fui atrás de uma agulha de crochê e lá mesmo comecei a fazer.

bolsa-1

Tava no maior entusiasmo com esta bolsa… Fiz toda no meio ponto…Todos os dias a noite fazia algumas carreiras…
bolsa-2

Quando fiz a frente e as costas emendei… fiz o fundo, as alças…

bolsa3

Fiz até um bolsinho na frente ja pensando no meu celular…bolsa-4

E misturei com uma cor que tinha aqui pra não ficar tão séria…

bolsa-5

Ai fiz o forro…nada combinante este forro mas era o único tecido que eu tinha aqui que dava pra fazer…. e ta na moda mistura de padrões ne?

bolsa-6E sabe o que aconteceu?

Depois da bolsa pronta, pendurei do lado, me olhei no espelho e pensei: Não tem nada a ver comigo essa bolsa… não gostei nao…

Fui no inbox do face, chamei Evinha e disse: Olha…terminei…que tu achou?

Ela disse: Ta lindaaaaaaa

E eu: então vou mandar pra tu…

FIM

Costurando pra Isabela

Quando eu estava em Joao Pessoa e fiz uma saia pra Isadora (minha neta), Isabela falou:

- Poxa mãe, bem que você poderia fazer umas roupinhas pra mim.

E ai eu, toda metida que sou, falei que era só ela comprar o tecido que eu faria.

2

Fazer saia é relativamente fácil… As vezes acontecem errinhos mas nada que não se possa resolver.

Fiz essa copiando de um modelito que ela já tem e adora…
3

Será que ela gosta do modelo? Porque quis outra, igualzinha…4

Tem pregas na frente e atrás…5

Agora vestido…ahhh…é outra história… Eu não sei e tenho a maior dificuldade com a parte de cima.

E mesmo sem saber quis fazer tipo “alta costura” sabe? Com dupla face… Mas não deu certo. Depois dele prontinho, a parte de cima tem elastano e a de baixo coloquei cetim e não vestiu direitinho. Desmanchei tudo e desisti da alta costura e fiz média costura mesmo…
6

Agora saia godê eu até sei cortar…7

E entre trancos e barrancos o vestido saiu…

Um dia enquanto provava o vestido, eu tava meio estressada nem lembro com que, e ai não tava dando certo e Isa disse:

- Minha mãe, deixa pra fazer outro dia.

Eu respondi que não, que eu tava estressada e precisava ocupar minha cabeça com algo trabalhoso. E me diverti com a resposta dela:

- Ahhh…então tranquilo. E olhe, sempre que você ficar estressada me avise tá? Assim eu vou na rua, compro tecidinhos e você faz vestidinhos pra mim. É a minha forma de te ajudar.

Cai na risada e foi bom porque o stress foi simbora.

Mas olha, vestido não mais… só saias…